Menu

The Journey of Ehlers 983

cirrusparade32's blog

Quatro Técnicas Da Neurociência Para Acelerar O Seu Aprendizado

Curso A Distância: Quando Vale a pena Apostar Desse Formato?


Rendeu mais que o esperado a conversa da semana passada, pela qual arrolei palavras e expressões de uso exclusivo, ou quase, pela residência onde me formei. Não menos escorubiúdo, e identicamente não dicionarizado, é um substantivo de que o avô materno do primo Ruy se valia pra pedir que se estancasse uma corrente de vento: “Fecha essa sucarra!


”. Em Porto Bem-humorado, minha tia-avó Gilda dava sentido típico à palavra “lira” pra adjetivar pessoa ou equipamento de mau adoro: “Fulana é muito lira”, tange o primo Alvaro à guisa de exemplificação. Na minha família, como em tantas novas, havia palavras portadoras de intrigantes deformações. Meu pai chamava pijama de “pijame”, e cheguei a suspeitar que a bizarria proviesse do ninho carioca dos Eiras Furquim Werneck, onde ele nasceu. "Fui Aprovado Como Juiz Após 43 Concursos" , a que pertence meu colega Izalco, a herança da avó paterna incluiu termo formado pela dona Leomênia pra escolher gente grosseira, sem classe, mal-educada: “retubefá”.


Mais pouco tempo atrás, a família incorporou outra expressiva esquisitice, o “escapanu”, aplicável, com algo próximo do desdém, a um fulano qualquer: “Quem é este escapanu? ”, No decorrer dos Dois Dias De Programação . Poeta que poucos agora puderam ler, o Izalco se encantou mais com a palavra do que com o sentido, e se pergunta se no “u” final não haveria um laivo de idioma romeno.


De Mariana, Minas Gerais, o Danilo Gomes levou pra Brasília o termo “reculuta” - corruptela, explica, de “recruta”, jovem soldado cujo apetite vertiginoso inspirou o apelido de todo aquele, militar ou não, que dê conta de um pratão de comida. É também de Mariana, informa o Danilo, certa maneira - piedosa ou maligna? ”. Origem da frase? Um tal Juanico, famoso na cidade pela mania de trancafiar-se.


Quanto ao carioca Antonio Carlos, que desfrutou de infância em Cachoeiro de Itapemirim, trouxe de lá o verbo “esburrar”, sacado, pela maioria das vezes, pra pronunciar-se do leite fervente que transborda no fogão. O transbordante saber de Antonio Carlos, de que este cronista vem sendo beneficiário, é prova de que “esburrar” admite significado figurado. Como Passar Em Concursos FCC [Sugestões De Aprovado] de linguagem criativa, talento que teria feito dela uma escritora, minha mãe entortava expressões sem maior solenidade. Entendo o serviço que daria a um corretor ortográfico.


Na sua prosa, que infelizmente não baixou ao papel, “rebordosa” era “rebordose”, e o substantivo “tendepá” - luta, rixa, desorganização - ganhava involuntário acento afrancesado como “tandepá”. Era mestra, a dona Wanda, na construção de expressões. E dada, assim como, a injetar sentido novo em vocábulos prontamente dicionarizados. “Embondo”, que no Houaiss é “aquilo que dificulta, que embaraça”, ou “estorvo, impedimento”, virava sinônimo de discussão mole pra enrolar o próximo.


  • 1 Tipos de Organização

  • 97,52% Não buscariam 2,15% Buscariam 0,33% Não quiseram responder

  • Patricia Argumentou

  • 51 Re: Regiões metropolitanas

  • Prefeitura e MDA estarão na 4ª edição da Femec



  • Embondar era o que fazia eu, na tentativa de esclarecer meus recorrentes malfeitos, escolares ou não. Será Que O Diploma Não Vai Mais Ser Obrigatório? preguiçosa, de má propriedade, ganhava de minha mãe o rótulo “ribimba”. Nada a observar - fui inspecionar - com o verbo “rebimbar”, como faz um sino em instante de excitação. Na família da mamãe, mineira a mais não poder, usava-se linguagem tão elíptica quanto enviesada, o que impunha ao interlocutor o trabalho de ler assim como - ou essencialmente - os silêncios.


    Entre os Avelar Azeredo Coutinho da antiga formação, não se dizia que alguém estava bêbado ou de porre, e sim “na losna” - ainda que, desconfio, nem sequer todos soubessem que a palavra designa robusta beberagem alcoólica, o absinto. Tampouco se dizia que uma pessoa era homossexual. Naquela fortaleza da discrição e da qualidade cristã, não convinha conceder nome aos bois - e menos ainda aos mamíferos ruminantes da família dos cervídeos providos de cornos ramificados.

Go Back

Comment

Blog Search

Comments

There are currently no blog comments.